PostHeaderIcon Fim do seqüestro!

Eu normalmente não falo sobre fatos jornalísticos ou notícias atuais aqui no blog, mas especialmente hoje, abrirei uma exceção.

Infelizmente a polícia não matou o seqüestrador antes que ele atirasse nas reféns e matasse uma delas em Santo André. Se eu fosse um policial, não teria pensado duas vezes antes de atirar na cabeça desse filho da puta. Mas, como não acorreu, eu desejo do fundo do meu coração que ele seja enrabado por todos os presos com as maiores picas da cadeia.

Que seja tratado como uma vadia qualquer. Que seja obrigado a engolir  todos os paus, TODOS. Que seja obrigado a gemer e a dizer que está gostando.

Além de ter seu cú virado do avesso por cabos de vassoura com pregos na ponta, transformando assim numa flor! Eu normalmente tenho pena, mas desse cara, eu tenho ódio.

Acho que ele deveria ter os testículos e o pênis arrancados, não amputados, arrancados … para aprender. Para sofrer mais do que o sofrimento que causou.

Deveria apanhar todos os dias durante o resto da vida.

Como a justiça brasileira não condena ninguém a apanhar todo dia e nem condena a ser enrabado todo dia, que os presos o façam da pior maneira possível. Que não o matem, ele não merece tanta bondade. Que a vida dele seja um inferno. Que ele seja lembrado todo dia, com muita dor, do que fez.


3 Responses to “Fim do seqüestro!”

  • ranus says:

    e quando ele morrer, depois de muito tempo, que ele sente no colo do capeta!!!

    Reply

  • Pakitãooo says:

    Essa vadia, que sobreviveu diz que o PORRA LOKA não teve a intenção de mata-las, que atirou apenas no teto por nervosismo !!

    Só que o CARNICEIRO, do advogado está processando a justiça por invadir o apt. porq o DESGRAÇADO não teve inteção de matar…

    essa vagabundinha que sobreviveu, está dizendo isso de olho na indenização ddo governo….!!

    esse mundo está perdido !!!!

    valew pelço espaço !!

    Reply

    Caloã Novellino reply on October 23rd, 2008 7:14 am:

    Pakitão, não acredito que ela esteja a fim da indenização …

    Existe uma síndrome onde a seqüestrada se identifica com o seqüestrador.

    O nome é Síndrome de Estocolmo: é um estado psicológico particular desenvolvido por pessoas que são vítimas de seqüestro. A síndrome se desenvolve a partir de tentativas da vítima de se identificar com seu captor ou de conquistar a simpatia do seqüestrador.

    Acredito que isto tenha acontecido com Naiara.

    Reply

Leave a Reply

Comodidade
ValeDoSeuLixo por E-Mail:
Arquivos
August 2014
M T W T F S S
« Apr    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031